LOS ANGELES: TERCEIRO DIA

O penúltimo dia em Los Angeles foi o mais esperado, afinal era dia de conhecer o Six Flags Magic Mountain, parque com uma variedade enorme de montanhas-russas! O Six Flags é a maior empresa de parques de diversão (em relação a quantidade) do mundo e além de montanhas-russas há também opções aquáticas, temáticas e entretenimento para a família. São 16 unidades nos E.U.A. e outros dois fora do país: um no Canadá e outro no México.

default-sf-logo

Fonte da imagem: www.sixflags.com

E uma curiosidade sobre o nome: o primeiro parque foi aberto no Texas e recebeu o nome de Six Flags Over Texas. Cada uma das seis bandeiras (Six Flags) representa as diferentes nações que governaram o Texas: Espanha, França, México, República do Texas, Estados Confederados da América e os E.U.A.

O Six Flags Magic Mountain  está localizado na cidade de Valência, a 50km de Los Angeles. Na véspera até cogitamos alugar um carro para ir até o parque, mas teríamos que ir até o aeroporto para fazer a retirada e depois voltar para devolver o carro. Chegamos à conclusão que não valeria o esforço e decidimos encarar o esquema de ônibus mesmo.

No site há informações sobre transporte e como chegar até lá (clique aqui). Confesso todo o percurso que foi cansativo e demorado, afinal pegamos metrô e dois ônibus para chegar até lá…

Saímos do hotel por volta das 7:30 e fomos tomar café da manhã no Whole Foods (supermercado de comidas orgânicas, naturais, integrais etc). Aproveitamos para comprar suco, wrap e uns lanchinos para comer dentro do parque, afinal as opções de comida nestes lugares são péssimas (só refrigerante, fritura, doces). De lá pegamos um ônibus e fomos para a estação de metrô Hollywood / Vine, localizada no Holywood Boulevard. Na foto abaixo estamos eu e a sacola de lanches (farofeira style! rs): 

IMG_3523

O metrô de Los Angeles não é a melhor opção de transporte, pois há poucas estações e não é muito extenso. A maioria das pessoas que vivem na cidade tem carro e quem não tem anda de ônibus. E pegar ônibus na cidade não tem mistério algum: geralmente está escrito o nome de um lugar bem conhecido por onde passa (por exemplo: Hollywood Boulevard) e dentro dele é anunciado o nome da próxima parada e com qual rua faz esquina. Muito fácil mesmo!

A estação de Hollywood é toda temática, com rolos de filmes decorando o teto e máquinas de projeção espalhadas:

IMG_3529IMG_3525

Para comprar o bilhete basta escolher o tipo de viagem nas máquinas de venda. Não há bilheteria com funcionários, mas é tudo auto explicativo e simples. Compramos o bilhete que dá direito a usar no ônibus também.

IMG_2846Os vagões são limpos e os assentos confortáveis e não estava cheio, a viagem foi tranquila:

IMG_2845Após menos de 20 minutos chegamos até a estação North Hollywood, onde desembarcamos. Esta estação fica em uma região mais afastada da cidade e é bem estranha. Esperamos o ônibus no ponto em frente a estação por mais de 40 minutos!

IMG_2847E eis que o ônibus para Santa Clarita chegou e embarcamos. A esta altura já estávamos arrependidos de não ter alugado um carro… Mas ok, faz parte das história e aventuras de uma viagem!

IMG_2851Em aproximadamente 1 hora chegamos no terminal de Santa Clarita e lá esperamos mais alguns minutos até que o ônibus para o Six Flags chegou.

IMG_2854

IMG_2872Aí a viagem até o parque durou menos de 15 minutos e finalmente chegamos no Six Flags! Ah e claro que o ponto do ônibus não é na porta do parque! Ainda andamos uns 400m até a portaria:

IMG_2855E eis que finalmente nos aproximamos da entrada do Six Flags:

IMG_2856Compramos os tickets diretamente no site quando ainda estávamos no Brasil. Eles concedem um desconto para as compras efetuadas com o mínimo de 03 dias de antecedência. Aí imprimimos o voucher e entregamos na bilheteria, sem filas e sem demora.

Antes de entramos no parque, coloquei as comidas dentro da mochila para não ficar carregando a sacola. E assim que passamos pela bilheteria a funcionária pediu para ver o que tinha dentro da mochila e confiscou nossos wraps! Ai ai ai… humpf Paguei o maior mico da história carregando a sacola pra cima e pra baixo para nosso almoço ir pro lixo! A funcionária ficou super sem graça, mas é procedimento padrão e nem argumentamos. Ela ainda disse que poderíamos comer antes de entrar, mas a essa altura eu nem queria ver comida na minha frente! Pelo menos os sucos e as barrinhas de cereal não foram confiscados! rs

Pegamos o mapa e priorizamos as atrações mais emocionantes e depois as moderadas. As mais bobinhas nem cogitamos ir! Fomos para as atrações mais distantes, pois o parque é em uma área grande e praticamente no meio do nada (leia-se clima desértico e sol escaldante). O céu azul, sol escaldante e tempo seco já estavam judiando às 11:30h, imagine por volta das 15h?! O bom é que não estava cheio, desta forma não havia filas demoradas nos brinquedos.

Deixamos a mochila no armário do guarda volumes e fomos direto para a Viper, a montanha-russa onde ficamos 07 vezes de cabeça para baixo!!

IMG_3534

Dá para ver um vídeo da volta aqui. Confesso que estava bastante apreensiva antes de entrar no carrinho e olha que isso nunca me aconteceu antes. Sei lá, estava com um mau pressentimento mas ainda bem que passou logo. Na primeira fomos no carrinho do meio e assim que saímos já entramos na fila novamente, mas para ir no primeiro carrinho que sempre proporciona a melhor sensação! Saí de lá com a cabeça um pouco doída, pois ela dá muito tranco. Mas de forma geral a experiência foi boa!

Depois da segunda volta já estava tudo bem e seguimos para a Tatsu, que na entrada já tem uma frase bem sugestiva (rs):

IMG_3606

Esta é a mais alta, mais veloz e mais extensa montanha-russa do mundo!

IMG_3535

E ela já começa diferente de qualquer outra montanha-russa, pois após todos os passageiros se posicionarem corretamente, os assentos giram a 90 graus anti-horário e ficamos deitado de barriga pra baixo:

IMG_3536

Nesta hora dá um frio na barriga! Como o trilho fica na parte de cima do carrinho (sistema de montar-russa invertida) a sensação que temos é que estamos voando! E no início tem uma grande subida e vamos olhando pra baixo, onde há somente árvores. A sensação é muito boa e claro, fomos na primeira fila! Dá para ver um vídeo aqui.

IMG_3539

Gostamos muito da Tatsu e foi uma das preferidas! Não dá para ter noção do que é esta montanha-russa somente pelas fotos, mas fica um gostinho:

IMG_3607

IMG_3611

Depois seguimos para a Superman Escape from Krypton.

IMG_3551

Esta é uma montanha-russa diferente das demais: o carrinho é lançado de costas a uma velocidade de 160km/h até atingir o topo da torre onde faz uma pausa de poucos segundos e de onde se tem uma vista linda de todo o parque. Depois volta na mesma velocidade e pára no mesmo local de onde partiu. A sensação de sair de costas a esta velocidade toda é muito boa! Veja o vídeo aqui.

IMG_3592

A próxima atração foi a The Riddler’s Revenge (A Vingança do Charada):

IMG_3554Nesta montanha-russa vamos em pé no carrinho! É bem diferente de todas, apesar do percurso não ser tão radical. Dá para ver o vídeo neste link.

IMG_3553Na sequência fomos na montanha-russa do Batman onde todo o percurso para chegar até o carrinho parece um cenário do próprio filme:

IMG_3571

IMG_3574Esta é uma montanha-russa invertida e repleta de loopings. O legal deste modelo é que parece que estamos flutuando e por diversas vezes passamos bem próximos do chão. Dá para ver o vídeo neste link.

IMG_3577A próxima montanha-russa foi a do Lanterna Verde que é vertical e a primeira dos E.U.A. do modelo que o carrinho gira para cima e para baixo:

IMG_3591Esta montanha-russa é diferente de todas que já fui, pois o carrinho fica na vertical o tempo todo e além disso gira pra cima e pra baixo. Uma hora vira para a frente e depois vira para trás… Dá para ver o vídeo neste link.

IMG_3580Mas toda esta história de girar pra lá e pra cá tem um preço: saí de lá toda doída! Minhas costas, meu pescoço e minha cabeça ficaram doloridos por um tempo após a volta. Nesta nem rolou de ir novamente!

IMG_3586

A próxima atração foi a Goliath. Logo de cara tem uma subida enorme e uma queda bem inclinada que termina em um túnel. Dá para ver o víde neste link.

IMG_3595Ao sair da Goliath fizemos uma pausa para almoçar. Encontramos um restaurante que vendia umas opções mais naturais de comida, tinha até alimentos sem glúten. Estava muito quente e seco e comi uma salada bem refrescante e leve.

Após o almoço e um breve descanso, fomos para a X2 que é a primeira montanha-russa de 5 dimensões do mundo!

IMG_2860

IMG_3604

IMG_2861Nesta montanha-russa há 02 poltronas de cada lado e cada pessoa vai quase deitada. Na subida os assentos ficam posicionados de costas e a subida é lenta e bem inclinada. Quando começa a descida os assentos giram e ficam de frente. Durante todo o percurso os assentos se movimentam e não dá para saber se vamos girar, subir ou descer. A fila estava bem tranquila e aproveitamos para ir 04 vezes seguidas! É realmente sensacional!  Dá para ver o vídeo neste link.

IMG_2870A esta altura já havíamos ido em todas as montanhas-russas que queríamos. Ainda deu tempo de voltar na Tatsu e curtir a última volta. Hvaia 02 atrações que estavam fechadas neste dia e a Full Throttle que ainda estava em construção e seria aberta em julho. Gostamos demais de todos os brinquedos, mas a que mais nos impressionou foi a X2 e a Tatsu.

Decidimos ir embora, pois ainda teríamos um longo caminho de volta! Mas o bom é que na volta não esperamos muito tempo pelos ônibus e o tempo total de percurso foi em torno de 50 minutos a menos! Na hora de esperar o primeiro ônibus estava bem distraída sentada no meio fio, quando percebi o desenho da placa:

IMG_2866

Dei um pulo na hora e fiquei esperando o ônibus quase no meio da pista! rs Mas nada de grave ocorreu e em poucos minutos nosso ônibus chegou!

Chegamos destruídos no hotel! Ainda deu tempo de tomar banho e correr pro The Groove para jantar. Havia feito uma reserva para jantarmos no Osteria Mozza, do chef italiano Mario Batagli que fica a algumas quadras do hotel. Mas estávamos muito cansados e a opção mais rápida e prática foi o Cheesecake Factory mesmo.

Anúncios
4 comentários
  1. Flá disse:

    Sempre fico com vontade de ir em cada post que leio, rs. Mas sou louca por montanhas russas! Já tinha ouvido falar do six flags, mas pelo que vi é realmente demais. Mas o percurso… poxa, poderia ter um onibus direto né… 40 minutos esperando o onibus é de matar!

    Curtir

    • Que bom que sempre fica com vontade de viajar ao ler meus posts!
      Se vc é louca por montanhas-russas como eu, vai amar o Six Flags!
      Pois é, a saga do ônibus foi de matar! rs Mas valeu a pena mesmo assim!

      Curtir

  2. Olá! Gostaria de saber se tipo o caminho de volta foi o mesmo da ida e onde posso ver os horarios desses onibus que vcs pegaram. É q eu vou lá e to meio nervoso com a volta pq eu devo sair de noite só de lá rs alias vc viram algum ponto de taxi ou algo assim la dentro? Rs obrigado!!

    Curtir

    • Olá!
      O caminho da ida foi o mesmo da volta.
      Não vi ponto de táxi na região e também não sei onde vc pode encontrar os horários do ônibus.
      Se vai sair de lá à noite, recomendo contratar alguma van ou checar em algum site de viagem alguma outra possibilidade. Só arriscamos voltar de ônibus pq ainda estava de dia.
      Abs!

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: