LOS ANGELES: PRIMEIRO DIA

Nosso primeiro dia em Los Angeles começou muito cedo, antes das 6h da manhã! Por causa da diferença de fuso horário, 5h a menos do que no Brasil, acordamos praticamente de madrugada. Dormir o sono dos justos, acordar renovada e ver que ainda poderíamos aproveitar muito nosso primeiro dia em Los Angeles foi muito bom! Claro que fizemos hora para levantar da cama, tomamos banho e só por volta das 8h fomos tomar café da manhã.

No valor da diária que pagamos no hotel não estava incluso o café da manhã (como na maioria dos hotéis americanos). Dentro do hotel tem o restaurante Tart onde também é servido café da manhã, mas o menu não nos chamou tanta atenção. Preferimos atravessar a rua e ir comer no Farmers Market. Lá dentro há várias lojas de comida (chocolate, carne, pães, doces, tortas, frutos do mar etc), lembrancinhas, frutas, artesanato, bebidas… Enfim, tem opção para todos os gostos e paladares!

IMG_2881

IMG_2874 IMG_2875 IMG_2876

Depois de tomar o café da manhã fomos até o Kmart, que é semelhante a nossa Lojas Americanas e semelhante a Target dos EUA, para comprar shampoo, sabonete e outros itens que não levamos na mala. Os preços lá são excelente e há várias promoções do tipo compre 2 e pague 1. Os preços lá são melhores do que os de farmácia, vale a pena!

Depois voltamos pro hotel para escovar os dentes e planejarmos nosso dia. Decidimos fazer o passeio do ônibus vermelho de dois andares (CitySightseeing Hop-on Hop-off) que tem em praticamente toda cidade turística do mundo. Sempre tive um certo preconceito com este tipo de passeio mas desta vez me rendi. Não alugamos carro e em Los Angeles tudo é muito espalhado, e como era nosso primeiro dia na cidade optamos por não usar o transporte público logo de cara. Até porque o transporte público em LA não é dos mais variados que existem.

Pegamos o ônibus em um ponto dentro do shopping The Groove, que é em frente ao hotel que ficamos. Optamos pelo ticket de 24h de duração e pagamos US$44,00. Não é barato, mas dá para conhecer vários lugares da cidade onde não há muito tempo a perder. No passeio em Los Angeles há 06 opções de linhas e iniciamos na vermelha  – Hollywood & Beverly Hills.

Seguimos pela avenida Fairfax, a mesma do nosso hotel, e logo a ideia que tinha da cidade foi mudando completamente. Na minha cabeça Los Angeles era uma cidade com inúmeros prédios bem altos e envidraçados, milhares de carros pelas ruas e sujeira por todos os lados. Na verdade a cidade quase não tem prédios e é bem horizontalizada. Sim, há vários carros nas ruas mas não como pensei que fosse. E não é uma cidade suja. E as pessoas em Los Angeles são extremamente simpáticas, chega a ser irritante! rs É o típico jeito californiano de ser!

E tudo lá gira em torno dos famosos! É definitivamente o lugar para quem quer ter alguns minutos de fama. Durante o percurso do ônibus há uma pessoa narrando os principais pontos turísticos e na maior parte do tempo ouvimos um fato sobre alguma celebridade. Descemos na parada em frente ao Pantages Theatre que fica na esquina da Hollywood Boulevard com Vine Street, famoso cruzamento dos anos 1920:

IMG_2431

O Pantages abriu as portas em 1930 e já foi palco de diversos musicais da Broadway e diversos concertos musicais. Visitamos somente a área da bilheteria, que é muito bonita por sinal:

IMG_2429 IMG_2428

O teto é muito lindo:

IMG_2430

Seguimos a pé pela Hollywood Boulevard que para mim é uma das maiores concentrações de gente estranha que já vi! rs Tem de tudo: lojas de fantasias (bizarras!), sex shop, lojas onde se vende maconha, gente fantasiada pela rua achando que já é celebridade… Logo ali já começa a calçada da fama que tem 5,6km de extensão. São várias estrelas feitas de um mármore rosa com o nome do homenageado e uma imagem em bronze da área que atuou. São cinco área representadas: cinema, música, televisão, rádio e teatro.

IMG_2603

IMG_2453

Nas redondezas tem todo tipo de pega turista: Museu de cera, Museu Acredite se Quiser, várias pessoas vestidas de personagens do cinema se oferecendo para tirar foto (e cobrando por isso, claro!) e outras bizarrices. Mas é tudo muito Hollywood mesmo, tem que rir!

Fomos até o teatro Chinês (Grauman’s Chinese Theatre) que é na verdade um cinema e foi aberto em 1927. É lá que acontecem a maioria das estréias de filmes e em seu pátio frontal há vários blocos com assinaturas e marcas de mãos e pés de diversas celebridades:

IMG_2457

IMG_2459

E ao lado do teatro Chinês está o Dolby Theatre (era chamado Kodak Theatre até 2012), que é onde acontece a entrega do Oscar. Ele está localizado no shopping Hollywood and Highland.

IMG_2456

Em frente ao Dolby pegamos o ônibus Hop-on hop-off da linha amarela (Beverly Hills & Santa Monica).

Passamos por Beverly Hills e pela Rodeo Drive, mas não descemos porque queríamos ir mesmo para Santa Monica que era a última parada do roteiro. No próximo post falarei mais sobre Beverly Hills.

IMG_2483

Descemos no ponto em frente ao pier de Santa Monica e caminhamos em direção a ele. A região é muito bonita, bem aquele clima California que vemos em filmes: muitas palmeiras, bicicletas, pessoas fazendo exercícios físicos, céu azul e um clima de vida simples e feliz. E claro, naquela região também há várias mansões de celebridades!

IMG_2518

IMG_2566

A praia não é das mais bonitas que já vi, pra falar a verdade não tem muita graça! O pier tem gente indo e voltando o tempo todo e, claro, muita gente querendo ser famosa, seja cantando, dançando ou falando bobagem e pedindo dinheiro por isso. Há vários restaurantes ao longo do pier mas preferimos não comer por lá.

IMG_2534

E é lá que termina a famosa Rota 66.

IMG_2547

De lá seguimos a pé até a Third Street Promenade, que é um complexo de lojas e restaurantes a céu aberto. As ruas secundárias são exclusivas para pedestres e é uma delícia caminhar por ali sem pressa.

IMG_2559

Há várias lojas ótimas por lá, pena que não tínhamos muito tempo para aproveitar o local.

IMG_2561 IMG_2562

Àquela altura já estávamos famintos e decidimos almoçar em um restaurante italiano. Comemos uma salada muito boa e um calzone que acabou virando piada, pois o garçon disse que deveríamos pedir um para cada porque era pequeno. Acreditamos na palavra do moço e óbvio que quando nosso pedido chegou percebemos que era enorme! Por um minuto nos esquecemos que as porções dos americanos são sempre enormes! Levamos um calzone inteiro pro hotel e ele ficou no frigobar até o dia de ir embora e foi parar no lixo!

O tempo foi curto em Santa Monica e tivemos que sair do restaurante e ir direto pro ponto esperar nosso ônibus. O último horário era às 18h e se perdêssemos este teríamos que pegar um táxi para voltar pro hotel. Na volta quase congelei com o vento! Estava de jaqueta e calça, mas não foi o suficiente para me proteger do frio. Apesar do sol, o vento lá é gelado.

IMG_2573 IMG_2575

Tivemos que ir de Ônibus até Beverly Hills e de lá pegar o ônibus da linha vermelha que nos deixou no shopping The Groove. Andamos pelo shopping, que é a céu aberto e uma delícia à noite, e depois fomos pro hotel capotar!

Anúncios
1 comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: